21
Jan 11

É verdade. O municipio de Vila Viçosa tem uma divida a curto e médio prazo que está muito perto dos 10 milhões de euros.

Por isso não se compreende bem porque é que a Câmara Municipal de Vila Viçosa, continua a contratar funcionários, gastando o pouco dinheiro que tem a fazer favores a quem prometeu emprego nas últimas eleições, endividando-se ainda mais e pondo as gerações futuras a pagar essa factura.

Será que é justo gastar o dinheiro a pagar essa factura quando o dinheiro não chega para resolver os problemas da água, da educação, do turismo e da criação do emprego para os jovens.

Alguém disse que não se dá um peixe para comer, ensina-se a pescar. Não se dá emprego às pessoas para que depois votem em quem o dá, cria-se é condições de desenvolvimento económico para que esse desenvolvimento crie o emprego estável e duradoiro. Isso é que é trabalhar a favor do emprego e do desenvolvimento, dando liberdade de pensamento a quem trabalha.

Esta reflexção resulta das noticias conhecidas de novas entradas de funcionários na Câmara Municipal de Vila Viçosa.

Há bem pouco tempo o Dr. Chagas em representação do Municipio de Vila Viçosa disse que as receitas mensais da Câmara Municipal são inferiores à despesa em cerca de 150.000 euros.

Ou esta afirmação é falsa para enganar os municipes ou a entrada de funcionários mais afundará os cofres da Câmara e a consciência do executivo nesta matéria não existe ou então não esperam fazer nada neste mandato, esbanjando o dinheiro ganhando votos para as próximas eleições.

É esta a politica certa para o Concelho de Vila Viçosa e para as suas gentes??

Ou a Câmara Municipal de Vila Viçosa não sabe o que fazer à vida??


19
Jan 11

Em meados de 2010, já lá vão 7 meses o Executivo Municipal reuniu na Câmara Municipal com um conjunto de personalidades de Vila Viçosa e Distritais tendo ainda a presença especial do senhor Comendador Joe Berardo.

Essa reunião deveria servir para o executivo tirar ideias e começar a estruturar o relançamento do turismo em Vila Viçosa. No entanto passados todos estes meses nada se sabe do que passa com a agenda local do Turismo.

Grave se torna porque no orçamento da Câmara para 2011 as verbas dedicadas e inscritas para o relançamento do Turismo são pequenas o que quer dizer que ainda não é no ano de 2011 que assistimos ao potenciar do nosso património.

Ou estas reuniãoes é só para inglês ver??

Estranho também que nessa reunião não se tenha falado numa articulação entre a Agenda Local de Turismo e a Agenda Cultural, já que uma não pode viver sem a outra, são mesmo face da mesma moeda se queremos fazer alguma coisa de jeito.

A presença do senhor Comendador Joe Berardo tinha alguma coisa a ver com a promessa eleitoral do Partido Socialista sobre o Convento de São Paulo??

Alguém disse, provávelmente vários, que uma pessoa bem informada é mais consciente e mais livre se torna, o que leva a colocar a questão para que serve o sitio da CMVV, se nada de relevante relata da vida do concelho e da actividade camarária. 

Uns dizem que Vila Viçosa, saiu definitivamente do mapa, cultural, desportivo e económico, fruto das politicas erradas dos executivos municipais, que apenas olham para o exercicio do poder e procuram mantê-lo mesmo que só façam obras para encher o olho dos distraídos e sem grandes objectivos para o futuro.

Outros dizem que não, que ainda não estamos no fundo mas para lá caminhamos, mas que é preciso inverter o rumo dos acontecimentos com uma nova politica mais abrangente, mais participada por todos e que se o conseguirmos se consegue colocar de novo Vila Viçosa no lugar de destaque que deve ocupar.

De facto se olharmos para o nosso concelho o que é que vemos??

Um conjunto patrimonial e histórico, Castelo, Palácio, Igrejas, Conventos da maior importância não só distrital como nacional;

Temos uma história que interferiu directamente na mudança politica do País em 1640 com a chegada de D. João IV ao Trono;

Temos um conjunto hoteleiro dos melhores do Distrito;

Temos um bem natural único (mármore) no País e no mundo, cujo factor económico é o mais importante no Distrito e ao nível das exportações é único;

Na cultura temos Florbela Espanca, Túlio Espanca, Henrique Pousão, Públia Hortênsia de Castro;

 

Afinal o que é que nos falta para sermos um concelho turístico onde se deseje viver, com qualidade e emprego para todos??

publicado por Moderador às 16:23

17
Jan 11

As associações culturais, desportivas e recreativas vão morrer em Vila Viçosa. A sua independência de concretizar projectos e actividades vão ficar subordinadas ao superior interesse da Câmara Municipal e da sua estratégia para o Desporto e Cultura. De fora ficam as associações meramente recreativas sem competições regionais ou nacionais. Também ficam de fora grupos de cidadãos organizados para determinada actividade que não seja competir.

A Câmara também pretende meter-se no funcionamento das associações indicando mesmo o números  de treinos dos atletas por semana ou regulamentando os naturais e residentes que devem fazer parte das equipas que fazem competição como o Calipolense, que têm de ser 70% dos atletas se não não têm subsidio, inclusivamente devem treinar durante 8 ou 10 meses pelo menos duas vezes por semana.

Não se podem criar mais associações desportivas em Vila Viçosa, a Câmara já diz a quantas dá subsidios nas várias acções. Está claro que a Câmara só dá subsidios a associações desportivas e culturais se as actividades propostas forem do seu interesse e se com ela foram organizadas.

Com esta fórmula as associações deixam de prosseguir os seus objectivos e planos para subordinar as suas actividades ao interesse da Câmara.

É o controle total do desporto, da cultura e recreio em Vila Viçosa.

As associações vão passar a perguntar à Câmara o que têm que fazer para ter uns dinheiritos, em vez de perguntar aos seus associados em discussão livre e independente entre eles.

Duvida??

Leia a proposta de Regulamento para as Associações que está no sitio da Câmara Municipal e se ler com atenção vai-se verificar que é assim mesmo. 


11
Jan 11

Muito se tem dito que o Concelho de Vila Viçosa foi ultrapassado por concelhos limitrofes: Borba, Estremoz por ex..

Essa falta de visão politica apontada, tem a ver com os Partidos Politicos?? ou os filhos do Concelho são limitados??

Diz-se que essa falta de visão tem a ver com o envelhecimento dos dirigentes partidários do PS do PSD e da CDU.

Assim parece ser. No PS os dirigentes partidários são de idade superior aos 55 anos. Os do PSD apesar de mais novos são enquadrados por ex-dirigentes mais velhos. Os da CDU são notoriamente muito velhos.

Pergunta-se?? Aonde andam os jovens do nosso Concelho?? Porque andam tão arredios dos partidos??

Não acreditam na Politica?? Não gostam dos Partidos??

Os jovens quer se queira quer não são o futuro do concelho. As politicas da Câmara devem fixá-los à terra.

Cada vez mais tem escolaridade avançada e não tem emprego.

O que poderia fazer a Câmara de Vila Viçosa para mudar isso??

 


Aceitei a critica de que o visual do blog não parecia muito bem. Mudei-o.

Embora não seja o ideal, parece-me melhor.


A vitória do Partido Socialista gerou grandes expectativas sobre o desenvolvimento do Concelho de Vila Viçosa.

Segundo todas as forças politicas da oposição dizem que o Executivo já desperdiçou um ano de mandato.

O orçamento para 2011 apresentado e aprovado no executivo e Assembleia Municipal tem um total de cerca de 17 milhões de euros.

Em entrevista neste domingo passado na Rádio Campanário, o Dr. Francisco Chagas, vereador da Câmara, levantou o véu sobre as finanças da Câmara dizendo que existe uma diferença mensal entre as receitas e as despesas mensais de cerca de 150.000 euros.

O orçamento da Câmara é realista ou apenas pretende criar um ambiente gerador de expectativas sem grande possibilidade de execução??

As prioridades da Câmara segundo o Dr. Chagas disse na Rádio Campanário são para a Acção Social, não dizendo em que áreas da acção social se enquadra esse prioridade.

Para si, quais as áreas de intervenção social em que a Câmara deveria investir??

Consta no Orçamento a construções de bancadas e intervenção em vários campos de futebol do Concelho.

A grave crise económica que se vive e a grande divida da Câmara a curto e médio prazo (15 a 20 anos) justifica essa intervenção?? ou, esse dinheiro deveria ir para outras áreas??

 


10
Jan 11

Pretende este espaço contribuir para uma discussão politica séria, onde as questões a colocar ou comentar devem servir de alavanca ao desenvolvimento do nosso concelho, se delas os politicos que hoje estão na Câmara quiserem aproveitar e as forças politicas.

Neste blog há moderação de comentários, no sentido de que não vão ser permitidos comentários ofensivos ou sem interesse para uma discussão politica do nosso concelho e dos seus problemas.

Os comentários poderão levantar questões, avançar soluções para os problemas existentes de modo a que se alargue o mais possível a discussão.

No entanto, deve-se alertar que este blogue não está vocacionado apenas para os letrados. Toda a gente pode e deve participar.

O importante não é como se escreve mas o que se escreve e a importância do conteúdo.

Está aberto a todas as cores politicas e credos. Não é a cor politica e o credo que impedirá o comentário de ser inserido, mas o conteúdo, desde que ofensivo seja para quem for.

Também não é um blog partidário ou alinhado com qualquer força politica.


Janeiro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
12
13
14
15

16
18
20
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
arquivos
2014

2013

2012

2011

mais sobre mim
pesquisar
 
links
blogs SAPO